Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Negócios encaminhados pelo sistema financeiro passam de R$ 1,5 bilhão

Publicação:

O sucesso no volume de negócios da Expointer teve como âncora o sistema financeiro. Por meio de uma série de linhas de financiamento foram encaminhadas propostas com as seguintes instituições: Banco do Brasil (R$ 610 milhões), Banrisul (R$ 266 milhões), BRDE (R$ 190 milhões), Badesul (R$ 188 milhões), Sicredi (R$ 127 milhões) e Caixa Econômica Federal (R$ 29,2 milhões). Se forem considerados Bradesco, Santander e bancos de fábrica ou montadoras, que estão apurando seus números, o valor ultrapassa R$ 1,5 bilhão.

“Os negócios superaram nossas expectativas”, afirmou a presidente do Badesul, Susana Kakuta. Na 39ª edição da feira136 projetos que movimentaram R$ 188 milhões dos R$ 200 milhões que haviam sido disponibilizados para a Expointer. O montante é o triplo do ano anterior, onde foram fechados R$ 56 milhões.

O Banrisul registrou um crescimento de 36% no volume de negócios prospectados em relação à última mostra agropecuária. Dos R$ 266 milhões - R$ 264,2 milhões foram para máquinas e equipamentos e R$ 1,8 milhão para animais. No total foram 556 pedidos de financiamento.

Entre os itens mais procurados estão as máquinas e equipamentos, como tratores, colheitadeiras e pulverizadores, financiados nas linhas do Finame Moderfrota e Pronaf Mais Alimentos. Também destaca-se a comercialização de animais,  financiados com recursos próprios da instituição. Além disso, foi registrada grande procura por equipamentos para pecuária, entre eles, tronco, balanças e banheiros sanitários.

Texto: Paulo Ricardo Fontoura com assessoria do Banrisul
Edição: Eliane Iensen

Expointer 2016